Ultimas Notícias de Israel - Yom Kippur

Curso de Hebraico Online

Demorou para o Rei Hussein I entender que o pior inimigo de sua família e seu país eram os judeus israelenses, após diversos conflitos com o Estado de Israel, foi ele quem tentou avisar o que estava para acontencer às vésperas da Guerra do Yom Kippur, e foi ele quem acinou o acordo de paz mais amistoso com o governo de Israel.

Apesar da aparente calma em Israel com excessão da operação militar em Gaza, em Israel está ocorrendo uma guerra silenciosa, principalmente na capital, a Cidade Santa, Jerusalém.

O que é de se esperar quando a liderança dos palestinos por parte de Abu Mazen ( Mahmoud Abbas ) a apenas alguns dias atrás encitou a população a agredir judeus?

Não há dúvidas alguma que nenhuma negociação com este tipo de liderança terrorista poderá chegar a algum tipo de acordo de paz real.

Mais uma vez os árabes demonstram que não têm nenhum interesse real na PAZ com Israel.
Desta vez o incidente foi na fronteira sul de Israel com o Egito na península do Sinai.

Mais uma de enorme significado histórico e rara foi descoberta em Jerusalém, uma inscrição de pedra em Latin dedicada ao imperador romano Adriano.

Os pesquisadores acreditam que esta está entre as inscrição em latim mais importante até agora descobertas em Jerusalém. 

Os arameus eram inimigos mortais do Povo de Israel durante o período dos reinos de Judá e Israel.

Por um tempo eles até mesmo dominaram a região de Israel, impondo imposto e duras leis contra o Povo Escolhido, agora, após mais de 2000 anos são os arameus que correm o risco de serem extintos por causa do conflito na Síria e no Iraque.

Após a chuva temporã que desceu sobre a Terra Santa no início das festas do mês judaico de Tishrei, com o Rosh Hashaná, chegou ao país a primeira onda de frio que fez as temperaturas baixarem em todo país.

O Povo de Israel está celebrando nestes dias uma das mais importantes festas judaicas, a Festa dos Tabernáculos, conhecida em Israel como Sukkot.

O país para diante da festa e israelenses e turistas invandem o país em uma das festas mais coloridas e alegres da nação.

Os árabes no Oriente Médio, em especial os palestinos não aprendem nunca, nesta manhã, véspera de Sukkot, a Festa dos Tabernáculos em Jerusalém, ao amanhacer eles começaram a provocar os judeus apedrejando-os durante a visita no Monte do Templo.

O porta-voz das Forças de Defesa do Estado de Israe confirmaram a notícia de que houve um atentado junto ao setor do Monte Dov que está na divisa norte entre Israel e o Líbano.

Bem junto ao histórico local da batalha entre Davi e Golias, arqueólogos descobriram um Mikveh, ou seja uma piscina de purificação que esteve em uso até o século II e provavelmente saiu de uso após a revolta judaica no período de Bar Khoba.

Sua compreenção das Escrituras Sagradas nunca mais será a mesma.

Palestrante: Miguel Nicolaevsky, empresário e diretor do Cafetorah. Autor de diversos livros, entre eles Festas e Memoriais de Israel

Mais uma vez, durante a Festa dos Tabernáculos, a Fórmula 1 chega ao Estado de Israel, em especial a Cidade Santa, Jerusalém, para tornar este período tão rico no mundo judaico em uma festa internacional de cores, tecnologia e prestígio internacional. Se você está em Israel neste período, não perca a oportunidade.

Após décadas, mais 25 famílias de judeus se mudaram esta semana para a Cidade de Davi, pela primeira vez desde 1948 a maioria do bairro onde Jerusalém nasceu é de judeus.

Em todo Mundo os filhos de Israel param afim de iniciar o jejum mais importante no judaísmo, o Tzom Yom Kippur, ou seja, o Jejum do Dia do Perdão.

Logo após o por-do-sol os carros pararão de circular e as orações serão ouvidas nas sinagogas de Israel, inicia-se o Yom Kippur, o Dia do Perdão.

O Dia do Perdão ou Yom Kippur - יום כיפור - como é conhecido em Hebraico é uma das datas mais significantes no Estado de Israel e ele é lembrando por todos os judeus em todo Mundo.

Mais algumas descobertas realizadas na região norte de Israel estão lançando luz sobre um período relativamente obscuro da história de Israel.

Ela chegou bem em cima da hora, entre o Rosh Hashanah e o Yom Kippur, HaYoreh, ou seja, a Chuva Temporã chegou para trazer vida ao solo de Israel neste 28-09-2014 e esta descendo por toda a região central e norte do Estado de Israel.

A região de Paran é um dos locais mais interessantes tanto do aspecto geográfico e geológico quanto espiritual e estratégico.

Arqueologia Biblica Nos Passos de Josué - Tel Shilo, a capital israelita no período dos juizes. Acesso permitido somente durante a Festa de Rosh Hashana, dias 24, 25 e 26 de Set. de 2014. Promoção: 

www.cafetorahshop.com

 





Português, Brasil