1350 alvos em 6 dias

Curso Herança Judaica do Novo Testamento
O ex-estádio de Gaza, a IDF mostra dois pontos de onde dispararam mísseis.

Ontem por volta das 19:00 hs da noite, dois mísseis foram lançados contra Tel Aviv, os dois, o sistema de defesa “Domo de Ferro” abateu antes que atingisse seus alvos.

Hoje pela manhã, os palestinos lançaram sobre as cidades no sul de Israel uma chuva de mísseis, um deles caiu bem próximo a uma escola, mas milagrosamente não atingiu ninguém. As Forças de Defesa de Israel continuam a atacar na Faixa de Gaza e agora já contam o incrível número de 1350 alvos que foram atingido em apenas 6 dias.

Por volta do meio dia na Terra Santa, a Força Aérea de Israel detonou o estádio de futebol da cidade de Gaza, isto por que o mesmo estava sendo utilizado para esconder grande quantidade de munição e mísseis que estavam sendo utilizados para atacar Israel.

Se não houver uma mudança dramática nas próximas 24 horas, estaremos diante de uma tomada e divisão da faixa de Gaza em cantões pelas Forças de Defesa de Israel. Sendo que desta vez, a força utilizada pela FDI deverá ser muito maior do que a utilizada na operação Chumbo Fundido.

Além disso, no começo da tarde, o Estado de Israel desligou o sistema energético da Faixa de Gaza. A Faixa de Gaza não produz por si própria energia, e por sua vez não pagava a conta para a companhia de energia Israelenses, Hevra Hahashmal, acumulando uma dívida de 100.000.000 de shekels, este foi o motivo do corte de energia, afinal, quem usa deve pagar.