A Força Aérea de Israel eliminou pequena aeronave iraniana nos céus de Israel

Um pequeno avião que foi abatido: o sistema do Irã de teste para conhecer a defesa e prontidão de Israel.

O pequena aeronave levantou voô no sul do Líbano em direção ao Mediterrâneo, contornando fora da costa de Israel, entrando pelo sul do país por cima da Faixa de Gaza. A intensão era ver o quanto seria violável uma entrada de um pequeno veículo como este.

Acredita-se que tenha sido a Força Aérea do Líbano, o Hezbollah ou talvez os próprios iranianos que teriam feito isto. A rota foi cuidadosamente escolhido -. Mediterrâneo e da entrada de Gaza detecção precoce e se interceptação da Força Aérea fosse bem sucedida isto evitaria um conflito regional.

Devido ao pequeno tamanho da aeronave, normalmente é muito difícil para caças derruba-lo, principalmente por causa da baixa altitude e da baixa velocidade, que é tão diferente dos caças F16 que foram utilizado para derrubá-lo. A pequena aeronave é de fabricação iraniana, e sua missão era provavelmente de recolher informações e testar a habilidade da defesa de Israel. A pequena aeronave já havia sido identifica ainda sobre o Mar Mediterrâneo, e so não foi abatida antes para que as Forças de Defesa de Israel tomassem o devido cuidado e evitar danos a população.

A aeronave foi finalmente interceptada em uma área um tanto desértica, junto ao bosque Yatir, não muito longe da cidade de Arad, entre a Judéia e o Negev.

Além dos dois caças que seguiram a aeronave e a derrubaram, as Forças de Defesa de Israel enviaram uma equipe em dois helicópteros para recolher os restos da aeronave que era pilotada por controle remoto.