Árabes acusam o Mossad de exterminar terrorista que construía drones para grupos terroristas

Mai uma vez os árabes e a imprensa internacional após eles, acusam o Mossad, o serviço secreto do Estado de Israel de ser o responsável pelo assassinato de Mohhamed Alzoari, um engenheiro e ex-ativista do Hamas em Gaza.

Segundo o Hamas, o Mossad é o responsável pelo incidente. Mohhamed Alzoari que já não estava conectado com o Hamas, estava trabalhando nos últimos anos para o Hezbollah, o que na realidade levanta as suspeitas de que na realidade quem pode estar por detrás deste assassinato é na realidade o grupo terrorista do Hamas que também é rival ao Hezbollah.

Por outro lado se Mohhamed Alzoari estava realmente fabricando drones para os inimigos de Israel ele trouxe para si mesmo a sentença de morte, pois todos aquele que se levanta contra o Povo de Israel de uma forma ou de outra paga muito caro por sua rebelião contra o Altíssimo.

Ainda, segundo os meios de comunicação, cartuchos e silenciadores de armas foram finalmente encontrados não muito distante de onde ocorreu o incidente, ele foi morto a balas em um lugar semi-desértico. Os meios de comunicação ainda informaram que têm cidadania da Tunísia e havia retornado da Europa ontem, foi presa e levada para investigações, ainda não se sabe informar qual o envolvimento dela no caso do engenheiro do Hezbollah.