Atentado na Síria, pelo menos 14 mortos

Após o fracasso do ISIS no Iraque, uma onda de atentados abateu o país, afinal de contas, o Jihadistas mercenários não querem perder o pão de cada dia, o dinheiro de sangue pelo qual vivem, então transferiram as lutas dos campos de batalhas para os atentados.

O que ocorreu hoje na Síria é praticamente o mesmo cenário, enquanto o ritmo da guerra na Síria vai sendo reduzido, o número de atentados graves vai aumentando, os Jihadistas financiados por ISIS e Turquia, agora passam de confronto armado direto para indireto, os atentados.

Um carro-bomba explodiu em um centro de recrutamento da polícia iraquiana em Kisak, a oeste de Aleppo. De acordo com a televisão síria, o incidente envolveu dezenas de mortos e feridos, o Centro Sírio para Monitor de Direitos Humanos relata que houve pelo menos 14 mortos no incidente, a maioria deles civis.

Testemunhas oculares relataram uma explosão poderosa ocorreu no local e que além das vítimas, muitos danos foram causados ​​a edifícios e veículos na área do incidente.

Outros incidentes esta semana

Os ataques continuaram contra a milícia “QSD” apoiada pela ocupação dos EUA e suas posições nas áreas onde se espalharam na região de al-Jazeira na Síria, quando um militante foi morto e outro ficou ferido em Hasaka e Raqqa na terça-feira.

Fontes locais disseram a um repórter do SANA que um militante do QSD foi morto pelo fogo de agressores desconhecidos na cidade de al-Tabka, 40 km a oeste da cidade de Raqaa, enquanto outro militante foi gravemente ferido em tiroteio no campo de al-Hawl, a leste de Hasaka .

Na segunda-feira, dois militantes do “QSD” foram mortos por fogo de assaltantes desconhecidos nos arredores da cidade de al-Jurniya e da cidade de al-Tabka, no interior de Raqqa, e outro foi ferido em al-Shadadi, no interior de Hasaka.

No quadro de suas práticas contra civis e apertando o controle sobre eles, fontes locais disseram que grupos da milícia “QSD” invadiram a cidade de Al-Sosa, a leste de Deir Ezzor, e intimidaram civis sob o pretexto de procurar pessoas procuradas e desertores.

Fonte: SANA

1 comentário em “Atentado na Síria, pelo menos 14 mortos”

  1. Desgraças costumam acontecer cem países que perseguiram diretamente a Israel,como é o caso da Síria,ainda inimiga figadal de Israel.
    “Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem”(Gn 12.3).

Os comentários estão encerrado.