Ativista palestino tentou destruir cerca de segurança, foi baleado e está sendo tratado em Israel

Tudo indica em primeiro lugar que se trata de um terrorista, o palestino tentou destruir cerca de segurança, foi baleado pelas Forças de Israel, ele foi evacuado rapidamente para um hospital na cidade de Beersheva e está sendo tratado em Israel.

A “vítima” de tiros no norte de Gaza foi foi levada nesta quinta-feira para o Hospital Soroka de helicóptero. Ele foi baleado enquanto estava perto da cerca de segurança no norte da Faixa de Gaza e era suspeito de atividade terrorista hostil. O ativista de Gaza foi evacuado com uma ferida na coxa e sua condição foi definida como severa. Ele está sendo tratado em uma sala de trauma.

A força atirou no suspeito que tentou atingir uma infra-estrutura de segurança no norte da Faixa de Gaza.

Durante uma busca em seu corpo, ele foi pego com uma faca que poderia ser usada em um atentado. Este incidente é mais uma continuação das tentativas dos moradores de Gaza de se infiltrarem em Israel recentemente, como parte do que eles chama de manifestações da “Marcha de Retorno”.

Com certeza assim que sua situação se estabilizar, ele será investigado intensamente pelas Forças de Segurança do Estado de Israel.

Os comentários estão encerrado.