Coronavírus em Israel: 1930 contaminados e 3 fatalidades

Com o aumento do número de exames realizados em Israel, o número de infectados com o Coronavírus cresce rapidamente. O Ministério da Saúde de Israel afirmou agora a noite que nada menos que 1930 israelenses foram infectados com o vírus perigoso.

O número de infectados aumentou em nada menos que 488 pacientes em apenas 24 horas. Mediante esta situação, o Ministério da Saúde divulgou novas diretrizes que visam limitar ainda mais a movimentação dos israelenses na tentativa de conter a pandemia.

No início desta noite, o Hospital Hadassah Ein Kerem, na cidade de Jerusalém, informou que um paciente de 87 anos de idade morreu por complicações do Coronavírus. Ele sofria de várias doenças de crônicas, incluindo diabetes, demência e até um aneurisma cerebral recente.

Mais cedo, o Hospital Wolfson, em Holon, relatou que Malka Keva, um moradora de Bat Yam, da idade de 67 anos, morreu hoje, também vítima de complicações com o vírus. O marido e outros membros da família também foram infectados com o vírus e estão de quarentena.