Governo de Israel aprova lista de 26 terroristas anistiados

Curso Herança Judaica do Novo Testamento

Após a primeira aprovação a cerca de dois meses com o re-início do processo PAZ entre israelenses e palestinos, ontem, durante o final da tarde o Primeiro Ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, o Ministro da Defesa, Gen. Yalon e a Ministro das Relações Exteriores, Livne, aprovaram definitivamente a lista dos 26 terroristas que serão anistiados.

A anistia será seguida da libertação da prisão de todos os 26 terroristas na próxima semana, 20 deles retornarão para suas casas na Samaria e na Judeia e seis deles serão deportados para a Faixa de Gaza.

Em Israel, as famílias das vítimas que foram mortas pelos terroristas fizeram protestos contra a atitude do governo dizendo que o julgamento dos criminosos não têm nenhum valor e que a assinatura dos juízes são vale nem mesmo o papel em que assinam.

Segundo os meios de comunicação, mais uma onda de libertação de prisioneiros deverá ocorrer no próximo mês, cuja decisão também já foi previamente determinada por uma reunião anterior do governo.