Hamas ameaça e Israel responde

O porta-voz militar do Hamas, Abu Ubeida, anunciou que a anexação planejada por Israel é uma declaração de guerra. Em um breve discurso no aniversário do seqüestro de Gilad Shalit, o porta-voz disse que “a resistência palestina considera a anexação como uma declaração de guerra ao povo palestino”.

O ministro da Defesa Benny Gantz se referiu às ameaças de armas militares do Hamas, dizendo que “o processo de anexação será uma declaração de guerra” e disse:

“Peço aos líderes do Hamas que se lembrem de que serão os primeiros a pagar sua agressão”.

O primeiro-ministro suplente acrescentou: “As FDI são o exército mais forte da região. Tentativas de ferir civis israelenses serão dolorosas e poderosas. Não permitiremos que as fronteiras de Israel sejam ameaçadas. “

2 comentários em “Hamas ameaça e Israel responde”

  1. Enquanto o ser humano queira resolver suas diferenças na base da força física,violência e brutalidade,deverá haver guerras sem fim,até que um extermine o outro.Neste caso,temos algo inédito:Deus declarou o Seu apoio ao povo de Israel há milênios!”Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem”(Gn 12.3).Os palestinos seriam grandemente abençoados se se tornassem amigos do povo de Israel!

Os comentários estão encerrado.