Hoje: Alinhamento de Júpiter e da Lua

Após uma ausência de vários meses, o planeta Júpiter reaparecerá nos céus no começo da noite. E hoje à noite e ao longo da noite Júpiter e a Lua provavelmente estarão alinhados um do outro. A proximidade angular será de 3 graus será nas primeiras horas da noite e estarão alonhados no céu até a manhã.

O a Lua aparecerá primeiro às 21:10 e, alguns minutos depois, no horizonte a leste, aparecerá Júpiter, aqueles que seguirão o movimento da lua amanhã (terça-feira) notarão que a lua já passou por Júpiter e continuou sua jornada ao redor da Terra. Outra alinhamento ocorrerá no meio do próximo mês judaico.

Júpiter é as estrelas mais brilhantes no céu, sua coe é branco-amarelado. Em junho próximo, Júpiter estará em sua posição mais próxima da Terra – cerca de 650 milhões de quilômetros. Mas devido ao seu enorme tamanho (seu volume pode conter 1.300 Terras), aparecerá bem no céu.

De fato, durante a noite, quando se eleva do leste, será o objeto mais brilhante no céu depois da lua quase cheia. Com a ajuda de um pequeno telescópio e até de binóculos de campo, você também pode ver as quatro luas em órbitas glaciais em torno dele.

As luas cercam Júpiter e, portanto, parecem mudar sua posição em relação a ele. A órbita lunar ao seu redor levou Galileu à conclusão de que existem outros centros no universo, portanto não há razão para a Terra ser o centro do universo.

O próprio Planeta Júpiter é muito interessante e usando um pequeno telescópio poderá se ver claramente os dois principais cinturões de nuvens do planeta e, ocasionalmente, uma sombra que uma das luas lança sobre Júpiter quando passa entre ela e o Sol.

No passado os astrônomos e astrólogos tinham muita preocupação com alinhamentos de planetas e muitos eventos proféticos e catastróficos já foram previstos antes dos alinhamentos. Aproveite o fenômeno para observar a perfeição da criação do Eterno e sua sincronização dos astros.