Irã acusa Israel, Arábia Saudita e EUA

Um membro do Comitê de Segurança Nacional e Política Externa do parlamento iraniano afirmou que “os Estados Unidos, o regime sionista e a Arábia Saudita” atacaram o petroleiro iraniano na semana passada.

Isso foi relatado pela agência de notícias iraniana Maher, como parte da propaganda da ditadura iraniana cegando o entendimento de seus cidadãos.

Ele disse que um vídeo documentando o ataque, a algumas dezenas de quilômetros da costa da Arábia Saudita, demonstra o envolvimento dos estados e será entregue às Nações Unidas.

Ontem, o chanceler iraniano Mohammed Jawad Zarif afirmou que o ataque foi uma “operação complexa” “Um ou mais governos.” Irã está jogando todas as cartas afim de acusar o ocidente e as nações rivais no Golfo Pérsico, para justificar seus próximos atentados terroristas contra os petroleiros na região.

1 comentário em “Irã acusa Israel, Arábia Saudita e EUA”

  1. Se isso for verdade,então os iranianos experimentaram um pouquinho do próprio veneno.
    Vamos ver se Deus vai fazer valer de maneira mais intensa sua palavra onde declarou que protege Israel:”Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem”(Gn 12.3).
    Que o SENHOR utilize a Israel para diminuir a força e a arrogância dos iranianos.

Os comentários estão encerrado.