Israel atacou postos do Hamas em resposta a atentado na fronteira

Caças Bombardeiros da Força Aérea Israelense atacaram um posto do grupo terrorista do Hamas no norte da Faixa de Gaza nesta madrugada de quinta-feira em retaliação ao ataque a um veículo de engenharia da IDF no norte da Faixa de Gaza. Um esquadrão terrorista disparou tiros de metralhadora contra uma aeronave, sem danos. O tiroteio disparou três alarmes vermelhos(Tzeva Adoam) nas comunidades vizinhas do norte de Gaza, e a força aérea atacou novamente na Faixa de Gaza, desta vez contra o pelotão de fuzilamento.

Dois alarmes vermelhos foram ativados às 01:33 e outro às 01:30 nos conselhos regionais Shaar Hanegev e Sdot Negev – cerca de uma hora após o início dos relatos palestinos sobre o ataque da Força Aérea na Faixa de Gaza. Após o ataque, o exército foi informado de que os aviões de combate atacaram um alvo terrorista em um complexo militar pertencente à organização terrorista Hamas.

Cerca de duas horas depois das sirenes, o porta-voz das IDF afirmou: “Depois de um ataque das FDI na Faixa de Gaza, metralhadoras foram disparadas por um esquadrão terrorista contra um avião que não o atingiu nem lhe causou danos. O pelotão de fuzilamento. A IDF considera a organização terrorista Hamas é responsável por qualquer atividade terrorista na Faixa de Gaza e agirá de forma decisiva contra qualquer tentativa de realizar ataques terroristas contra civis israelenses ou forças das IDF que atuam em sua defesa.”

O Estado de Israel desenvolveu nos últimos anos uma política de resposta dura imediata contra o grupo terrorista do Hamas, caso contrário a situação pode ficar insuportável como no passado em que o Hamas disparava dezenas de mísseis diariamente contra a população de Israel.

Foto ilustração: PixaBay – Fonte: Porta voz da IDF, YnetNews e IsraelHayom

Os comentários estão encerrado.