Israel destruiu mais 15 alvos do grupo terrorista Hamas em Gaza

Durante a noite, os caças das Forças de Defesa de Israel atacaram 15 alvos terroristas em três regiões diferentes da organização terrorista Hamas na Faixa de Gaza. Entre os alvos foram bombardeados dois locais de produção e armazenamento de armas e um complexo militar do grupo terrorista.

O ataque aconteceu em resposta ao lançamento de mísseis e incidentes terroristas no fim de semana, incluindo granadas e carga explosiva, uma tentativa de romper a cerca, tentativa de danificar a infra-estrutura de segurança de Israel e ataque por balões incendiários e pipas incendiárias.

A IDF disse que “os eventos do fim deste semana são a continuação das repetidas tentativas de agressão do Hamas na cerca de segurança, acima e abaixo da área de combate terrestre, para a realização de ataques terroristas, visando a destruição da infra-estrutura de segurança e pondo em perigo a vida dos cidadãos israelenses e soldados das Forças de Defesa de Israel.”

As Forças de Defesa de Israel consideram o Hamas o único responsável pelo que está acontecendo na Faixa de Gaza e vão garantir que as organizações terroristas vão pagar um preço muito alto se eles continuarem com suas ações.

No início da noite, mais dois mísseis foram disparados de Gaza contra o Conselho Regional de Eshkol, em Israel. Um dos morteiros foi interceptado com sucesso pelo sistema Domo de Ferro, enquanto o segundo caiu na própria Faixa de Gaza, sem causar ferimentos ou danos.