Israel: Nova quarentena é uma questão de dias

Após um crescente número de contaminados no Estado de Israel, se as novas diretrizes não deterem a expansão da pandemia no país, uma nova quarentena é apenas uma questão de dias, não de semanas ou meses.

O Centro Nacional de Informações e Conhecimento de Corona divulgou nesta manhã de sexta-feira, 10 de Julho de 2020, dados atualizados sobre o estado de contaminação e da doença em Israel. Os dados mostram que um novo registro de infecções no local no período de apenas 24 hora já chegou a 1.464 casos novos, quebrado quebrando um novo record, além de demonstrar um aumento considerável de pacientes em estado grave, ao todo são mais 30 novos pacientes graves no país.

É importante salientar que estes números podem parecer pequenos, mas em se tratando do Estado de Israel com uma população próxima a 9 milhões de pessoas, este número é considerado relativamente alto.

Em termos de porcentagens de adesão, 5,5% estão infectados, dentro de um total de teste de coronavírus realizado nas últimas 24 horas. Note-se que o número de testes também bateu um recorde – 26.446 testes.
Atualmente, existem 16.517 pacientes ativos em Coronavírus em Israel. O número de mortos pela doença já chegou a 350, até agora 18.652 se recuperaram do vírus.

No contexto do aumento dos dados da pandemia, o Comitê Ministerial de Áreas Restritas anunciou hoje que decidiu declarar certas partes de cidades diferentes como áreas restritas por sete dias, começando hoje às 13:00 até sexta-feira 17 de julho às 8:00 – uma declaração conjunta foi divulgada pelo Gabinete do Primeiro Ministro e do Ministério da Saúde.

Os lugares que o governo decidiu declarar como área restrita são na cidade de Beit Shemesh os bairros Nahalot e Rest e o Kane HaBossem.

Em Jerusalém foi imposto isolamento nos bairros Romema, Kiryat Sanz e Balez e Kiryat Mattressdorf. Na cidade de Lod – Ganei Yar e Sacha.

Na cidade de Ramla foi imposto isolamento aos bairros Amidar, Bilu e em Kiryat Malachi os bairros Ahuzat de Rutner e o bairro de Chabad.

Além disso, o Comitê Ministerial decidiu anunciar os bairros ferroviários Snir e Neve Shalom em Lod como área restrita por mais cinco dias, após o vencimento da declaração anterior – de hoje às 13:00 a quarta-feira às 8:00.
Em áreas restritas, a entrada e saída de pessoas são limitadas, bem como as atividades de tráfego e negócios dentro da própria área restrita.

Paralelamente a estas decisões, o Diretor Geral do Ministério da Saúde em breve assinará uma ordem que restrinja as atividades das instituições educacionais a partir dos 10 anos de idade nas cidades de Modi’in Illit, Beit Shemesh e em Ashdod nos bairros Gimel, Zain e Het.

Quarentena Geral a caminho

Acredita-se em Israel que existe uma chamada linha vermelha, pela qual o governo deverá decidir a imposição de restrições e quarentena geral no país, casos os números de contaminados continue crescendo.

As medidas que estão sendo tomadas até agora, visam tentar conter a curva gráfica de contaminação, mas até agora sem sucesso, mesmo tendo ocorrido uma desaceleração na última semana. O aumento médio de contaminação está em torno de pelo menos 100 novos casos a mais a cada dia.

De ontem para hoje o número de novos contaminados chegou a 1.464, e acredita-se que se este número chegar a 2000 novos contaminados diariamente, neste momento o governo imporá restrições a todo o país, além disso, a mesma decisão seria tomada caso o número de casos graves ultrapasse a 250 pessoas, o que dificultaria muito o controle da epidemia nos hospitais de Israel.

O fato é que com este número crescente, se não houver uma mudança na proporção dos contaminados, o país alcançará um destes números em apenas uma semana. Esperamos que as medidas que estão sendo tomadas venha a ajudar a conter a pandemia antes que uma quarentena a nível nacional deja imposta do Povo de Israel.

Fonte: YnetNews, IsraelHayom

1 comentário em “Israel: Nova quarentena é uma questão de dias”

  1. Shabat shalom…sim a vitamina C cura gripe virus infecções….a china diz q ajudou mto contra o corona virus…e a palavra corona não é chinesa ….e italian a quer dizer coroa. Tbm a palavra iluminatti é italiana quer dizer iluminados. Pra Deus wuem esta na luz é quem obedece a palavra de Deus as escrituras…ate Yeshua diz q se salvarao os q guarda obedece as escriturasSpc 3;10 e ele tbm obedecia os mandamentos Jo 15;10. Q Adonai ajude Israel eo Brasil e a tds q cre eoobedece. Ante semitismo é falta dr amor…Yeshua dis q seus dicip são os q pratica o amor Jo 13;34,35.

Os comentários estão encerrado.