Israel: Se Hamas não parar com o terror, as resposta será dura

Após mais de 19 incêndios provocados por dezenas de balões incendiários lançados pelos terroristas do Hamas na Faixa de Gaza, tanto o primeiro ministro de Israel quanto o seu substituto, Benny Gantz, se pronunciaram advertindo os líderes do grupo terrorista:

As Forças de Defesa de Israel, em resposta a violência palestina, fecharam a passagem de Kerem Shalom para a entrada saída e entrada de mercadorias. Em resposta a isso, o Hamas disse que este é o passo dramático que vai legar a mais uma ação do grupo terrorista.

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu se referiu ao lançamento de balões incendiários da Faixa de Gaza, que foi renovado nos últimos dias, e disse que “o terrorismo por balões incendiários terá um preço muito alto caso Hamas continue. Não o toleraremos. Vamos agir e cobrar um preço alto”. Netanyahu acrescentou dizendo “quero deixar claro para todas as metástases do Irã, incluindo Gaza. Já fizemos isso no passado e eles devem se lembrar que o faremos agora”. Netanyahu fez os comentários durante uma patrulha de segurança na Base Aérea de Hatzor, onde visitou o chefe do Estado-Maior, Aviv Kochavi.

O Ministro da Defesa e substituto de Netanyahu, Benny Gantz se referiu ao terror dos balões incendiários da Faixa de Gaza durante uma patrulha conduzida pelo Comando da Frente Interna: “Hamas pode continuar a permitindo inflar balões incendiários e explosivos contra o Estado de Israel, mas não estamos prontos para aceitar isso e fechamos a passagem de Kerem Shalom como resultado. Eles fariam bem em parar de violar a segurança e a paz no Estado de Israel. Se isso não acontecer, teremos que responder duramente”, afirmou.

1 comentário em “Israel: Se Hamas não parar com o terror, as resposta será dura”

  1. Chega de bravatas e ameaças!”Há tempo para todo propósito debaixo do céu…tempo de guerra e tempo de paz”(Ec 3.1,8b).
    Se Israel quer ter paz,urge guerrear duramente agora ,do contrário,jamais terá a paz com os palestinos!Mas duramemte é duramente,e não umas bombinhas em um ou dois postos de observação…

Os comentários estão encerrado.