Machaerus, Herodes e João Batista

A Fortaleza de Maquero ou Machareus é sem dúvida alguma um dos lugares mais incríveis as serem visitados na Jordânia, ela fica localizada de frente para o Mar Morto e controla a passagem do oriente para a Judéia.

O local foi primeiramente construídos pelos reis Asmoneus como forma de fortalecimento da fronteira oriental do país, protegendo-o dos invasores nômades, os edomeus e amonitas de então.

Acima, o Pátio Central do Palácio

Mais tarde, com a subida do poder de Herodes o Grande, ele fez muitas modificações, ampliando o local e construindo um palácio semelhante a um dos palácios que construiu em Massada, até mesmo com depósitos bem semelhantes.

Acima, salão de Jantar para convidados

Em  Machareus existem diversos estágios de habitação, mas o principal dele é o período romano, relacionado a história de Herodes o Grande e Herodes Antipas, que herdou a região de seu pai.

Acima, depósitos reais semelhantes aos de Massada em Israel

Segundo Flávio Josefo, foi aqui que Herodes Antipas, durante um evento, mandou decapitar o mais importante profeta neo-testamentário, João Batista, aquele que veio no espírito de Elias para anunciar que Jesus é o Messias que havia de vir.

Na grande fortaleza podem ser vistos e visitados grandes construções, a principal delas são as ruínas do palácio herodiano, nele estão o salão de jantar, o pátio central e os depósitos reais, além de vários cômodos reais e para hóspedes.

Contornando o palácio está uma grande muralha e abaixo dela, em torno da colina, podem ser vistas diversas cisternas que eram alimentas por água da chuva ou pelo aqueduto que trazia água do platô oriental.

Sem dúvida alguma, em visita a Jordânia, a Fortaleza de Machareus é um dos pontos altos a serem visitados.