Mais um dia vergonhoso para os palestinos e os inimigos de Israel

Curso Herança Judaica do Novo Testamento

Como já era esperado, este é mais um dia daqueles que tenho certeza que qualquer outro povo teria vergonha que existisse ou melhor, que fosse apagado de suas memórias.

Para quem não sabe história, o Brasil, a Argentina e o Paraguai lutaram por cerca de 100 anos, mas finalmente, um dia, eles entenderam que na realidade todos são perdedores e o melhor a fazer é se conformar com a situação.

Aqui no Oriente Médio a situação parece estar seguindo o mesmo caminho, já são mais de 60 anos de luta, em que os árabes continuam perdendo, mas se recusam a aceitar. Continuam enviando homens bombas para se implodirem afim de exterminar mulheres e crianças inocentes, e Israel continua enviando caças para caçar ratos no esgoto de Gaza.

Não importa quem está certo, importa é que tudo parece ridículo, e nada vai mudar. Os palestinos continuarão tentando realizar chacinas bestiais e pré-históricas e Israel continuará a esmagá-los com toda força, por que infelizmente é somente a força que eles entendem.

Aqui no Oriente Médio sempre se diz que o que não vai com força, vai com muito mais força ainda. Infelizmente isto aqui é verdadeiro. Foi assim a 3000 anos atrás no tempo de Davi, o que Golias achava que poderia destruir com sua grande força humana, Davi utilizou a Força do Altíssimo(um pequena pedra) para destruí-lo.

Depois disso foi Salomão que impôs a força para dominar em um grande período de “paz”, mas os que se enfraqueceram, por falta de fé naquele que os criou, foram esmagados diante dos seus inimigos até que chegou o tempo dos macabeus, que com muita sabedoria(força divina) recobraram a terra por mais uma centena de anos.

Depois de tudo isto, os romanos esmagaram os judeus aplicando sobre eles uma força desproporcional levando-os ao mais longa das diásporas de um povo sobre a face da Terra.

Após a tentativa de massacres do ocidente tanto na inquisição quanto no holocausto de esmagarem os judeus espalhados pela Europa, finalmente os judeus compreenderam que somente o mesmo caminho do Davi, força, muita força mesmo(divina) que é capaz de garantir a eles um lugar debaixo do Sol.

Infelizmente os palestinos, uma massa manipulada ainda não compreendeu que após 2000 de massacre do povo e da cultura de Israel, não há povo, exército ou personalidade que possa se levantar por aquele que queira ou não queira é o escolhido do Senhor, o Povo de Israel.

Neste dia podemos ver através dos meios de comunicação coquetéis molotov, pedras, gritos, escândalos, lágrimas, alguns mortos, tudo parte de uma encenação palestina que já dura trinta nos e não leva a nada, somente a mais dor e rancor, ao invés de aproveitarem o dia para passear, irem as compras ou tomar um banho de Sol. Enfim, viver a vida da melhor maneira possível, eles, em sua completa ignorância e burrice, escolhem atirar pedras contra alguém que com seu punho pode esmagá-los.

Diga não a burrice islâmica e palestina que deseja ganhar a sua atenção neste dia, simplesmente evite de alimentar suas mentes com as imagens sem sentido que vêm do Oriente Médio, pois não há lógica nenhuma em jogar um jogo e não saber perder. Os palestinos e todas as nações árabes vizinhas resolveram jogar o jogo da guerra e perderam, mas como sempre, eles não sabem perder, então que não reclamem quando os atiradores de elite atirarem contra eles quando tentarem invadir o Estado de Israel. Quem não têm pena de seus filhos em casa com fome e sem a atenção dos pais, ou na rua atirando pedras e arriscando a vida por um sonho morto, não têm direito a uma nação!!!