Mais uma explosão em indústria química do Irã

Uma grande explosão ocorreu após um incêndio de produtos químicos, ontem, sexta-feira, em uma das maiores instalações petroquímicas do Irã. Trata-se de uma planta petroquímica da empresa Hormusi em Bander Mashhar, uma instalação cujo nome estava anteriormente ligado ao projeto nuclear iraniano e foi inclusive incluída na lista de instalações da lista de sanções impostas ao Irã.

Segundo relatos e vídeos veiculados nas redes sociais, foi vista fumaça negra subindo do local da explosão e grandes forças de bombeiros chegaram ao local do incidente.

A agência de notícias estadual Irena informou que o incêndio estava sob controle e que não houve vítimas na explosão ou incêndio. A causa da explosão não foi divulgada na mídia, mas as possibilidades vão desde um mau funcionamento técnico, erro humano ou mesmo sabotagem deliberada por grupos de oposição no país, que realizaram uma série de ataques a instalações de infraestrutura do país durante o verão.

O Irã experimentou uma onda de explosões misteriosas em locais-chave do país neste verão, incluindo a instalação de desenvolvimento de mísseis balísticos em Perchin e a instalação de enriquecimento de urânio, parte do programa nuclear iraniano, perto da cidade de Natanz. Ao lado dessas instalações, pegaram fogo as instalações portuárias, petroquímicas e oleodutos do país.

Na semana passada, a organização de oposição da Diáspora “Conselho de Resistência Nacional do Irã” anunciou que o Irã havia inaugurado recentemente uma nova instalação para montagem e fabricação de ogivas nucleares em uma instalação a leste da capital Teerã.

Tudo indica que o Irã abriu uma caixa de pandora após continuar a financiar o terrorismo islamista mundial, mas principalmente por ter financiado e incentivado forças islamistas a atacarem as tropas americanas que estão baseadas no Iraque.

Fonte: IRENA e IsraelHayom – Foto Ilustração: PixaBay

1 comentário em “Mais uma explosão em indústria química do Irã”

  1. Mistérios…mistérios…o fato é que o Irã está levando a pior.Talvez seja sabotagem dos iranianos rebeldes com a ajuda americana mas também pode ser que a mão dos israelenses(Mossad) esteja por aí também.
    Quanto mais se diminuir a força iraniana menos terrorismo internacional teremos.E menos mortes pelo mundo afora.
    “Com medidas de prudência farás a guerra,na multidão de conselheiros está a vitória”(Pv 24.6).
    Se muitos ‘incidentes assim’ acontecerem por todo o Irã será melhor do que deixá-lo inteiro pronto para partir para agressões a outros países,principalmente Israel.

Os comentários estão encerrado.