Medalha de prata para israelense no Masters no Qatar

Uma grande vitória para a delegação israelense no dia da abertura, quando o israelense, Baruch Shmailov conquistou uma impressionante medalha de prata. O judoca de 26 anos registrou uma competição quase perfeita, mas na luta pelo pódio perdeu para Lan, no Hall da Coreia do Sul, o vice-campeão olímpico de 2016 Mario.

A batalha pela medalha de ouro foi arrastada para a pontuação de ouro, onde o sul-coreano alcançou Vasari e decidiu a disputa. Em suas duas últimas lutas na competição, ele usou uma bandagem na cabeça (um lembrete de sua lesão nas quartas de final) – algo que lembra muito a usada por Arik Zeevi ao ganhar sua medalha de bronze olímpica em Atenas.

É claro que esta é uma conquista impressionante. Esta é a segunda competição mais importante da rodada, depois do Mundial. Como resultado, ele também ocupa uma posição elevada no ranking mundial, antes das Olimpíadas de Tóquio. O que o diferencia é o fato de apenas os 36 melhores atletas do mundo entrarem em contato com ele.
Nas finais, Shamilov apenas havia vencido. Na semifinal israelense, ele derrotou o mongol Karlen Ganbold com dois Vasari com um curativo na cabeça, como mencionado, de uma lesão que sofreu na vitória nas quartas de final sobre o georgiano Vaza de Gerlashvili. Após obter o placar, Shmailov pousou com firmeza no tapete e cortou levemente a testa.

Fonte: YnetNews

1 comentário em “Medalha de prata para israelense no Masters no Qatar”

Os comentários estão encerrado.