Netanyahu: Construiremos milhares de residência em Jerusalém

Apesar do projeto de construção já ter sido analisado e programado bem antes da declaração de Netanyahu, nada como usar a publicação do mesmo para conseguir mais votos nas próxima eleições que ocorrerão daqui a apenas 9 dias.

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu anunciou durante uma conferência dos líderes do bairro de Har Homa a construção de mais 3.000 unidades habitacionais na área de Givat Hamatus, no sul de Jerusalém:

Removemos todas as restrições e anuncio que vamos construir o bairro de Givat Hamatus, para construir lá 3.000 unidades habitacionais.

Ele acrescentou:

Também aprovamos a construção de mil unidades habitacionais para expandir o bairro de Beit Safafa.

Nabil Abu Roudina, porta-voz do presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, condenou o anúncio do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu de construir mais 3.000 unidades habitacionais em Givat Hamatos, no sul de Jerusalém.

Esta é uma violação contínua da solução de dois estados

Disse o porta-voz e acrescentou:

Mais votos da direita estão apenas empurrando a região para a violência

Ele só esqueceu de mencionar quando é que os palestinos não utilizaram a violência nos últimos 70 anos desde fundação do Estado de Israel. Se Jerusalém é a capital de Israel conforme foi aprovado até mesmo pelos Estados Unidos, não é só o direito de construir, mas sim o dever, pois o povo de Israel precisa de mais habitações na região de Jerusalém.