O Anti-Semitismo Palestino

Como já era de se esperar, ao invés de buscarem a PAZ, palestinos atacam o Estado e o Povo de Israel quando percebem que o Mundo inteiro já sabe que eles não querem a PAZ. Saibe Arikat, o líder das negociações entre os palestinos acusa o Governo de Israel de praticar o terrorismo e que o Hamas não é um grupo terrorista, ele somente esqueceu de que são eles, os palestinos que enviam jovens e mulheres para se explodirem no meio da população civil, matando mulheres, criança e idosos somente por serem judeus.

Abu Mazen Nega Holocausto e Prega o Ódio aos Israelenses

AbuMazen, que baseou seu doutorado em uma tese absurdo que nega o Holocausto e prega de que os judeus criaram a história para conquistar os diretos da Terra de Israel, era coonsiderado o líder palestino mais equilibrado até a última semana, agora ele acusa o Governo de Israel de estar praticando crimes como os que os nazistas praticaram contra os Judeus:

“Os Palestinos Passam Pelos Mesmo Crisme”, a mentira de Abu Mazen é um disparate de anti-semitismo afinal de contas ninguém passa fome entre os palestinos, niguém passa sede, ninguém é morto em uma fila de fuzilamento, ninguém é jogado em uma vala comum e ninguém é cremado em massa como os judeus foram cruelmente, o teologia nazista está impregnada na cultura palestina após décadas de lavagem cerebral, e o pior, quem sustenta os palestinos é o Estado de Israel pois sua economia é mínima, não produzem eletricidade por conta própria, quase não têm sistemas de água potável independentes e até mesmo a alimentação deles é em parte subsidiada pelos importos que os cidadãos de Israel pagam, porque eles não pagam imposto algum,

É uma verdadeira vergonha um bando de parasitas que praticam terrorismo contra os judeus diariamente ainda terem a discrepância de acusá-los de crimes hediondos que não fazem parte da realidade mas somente da imaginação anti-semita e deturpada de uma minoria muçulmana radical imprestável.

Miguel Nicolaevsky, Israel, 2014-04-27