O Perigo de Uma Europa Sem Judeus

Curso Herança Judaica do Novo Testamento

Cada vez mais, com a situação intolerável to aumento do anti-semitismo e anti-sionismo no continente europeu, agora a preocupação de parte da liderança da União Européia é quais seriam as consequencias de um continente sem judeus.
Justamente a menoria judaica que através de séculos tornou possível a compreenção de que este é um local pluralista, agora, por causa do medo do anti-semitismo e do ataque de muçulmanos, agora, com sua retirada, a Europa inteira pode ficar em risco.
Se os judeus abandonarem a Europa e imigrarem para outras partes do Mundo ou para Israel, a Europa deixará de ser um local pluralista e um alvo nas mãos dos imigrantes árabes que trazem consigo a força de trabalho, mas junto com ele, o radicalismo do islã extremista.
Se houver um aumento do islamismo na Europa por conta do abandono dos judeus, o que poderá ocorrer é uma fuga de outras minorias com semelhante poder econômico e cultural, deixando os mais fracos do continente europeu a mercê de uma imigração assiva oriúnda dos países árabes.
Mediante a esta situação, cresce a pressão dos líderes de diversos países de que sejam tomadas medidas afim de garantir a segurança das comunidades judaicas e de outras minorias no continente europeu.
Em primeiro lugar, a permanência dos judeus é um interesse europeu acima de tudo.