O preço satânico: Atentado na Síria, mais de 120 feridos e 40 mortos

Atentado na Síria – Nações que apoiam e apoiaram o terrorismo como a Síria e o Iraque estão longe de escapar das garras de Satanás que comprou o seu direito a dominar países como estes pela ignorância e rebeldia de seus líderes e cidadãos. O preço satânico de sangue é insuportável para qualquer país, 40 mortos e mais de 120 feridos, não importa quem foram os atingidos.

Um ataque duplo à bomba na capital da Síria, Damasco, matou 40 iraquianos e feriu 120, diz o governo iraquiano.

O ataque foi perto do cemitério de Bab al-Saghir, que abriga mausoléus xiitas, com os alvos chamados de peregrinos que chegam de ônibus.

Os militantes sunitas muitas vezes atacam xiitas, mas os ataques na capital são incomuns.

Uma trégua nacional negociada pela Rússia, Turquia e Irã entrou em vigor em 30 de dezembro após conversações no Cazaquistão, mas os ataques esporádicos continuam.

Houve duas rodadas de negociações, com outra planejada na próxima semana.

Os atos de extrema violência na Síria e no Iraque estão longe de acabarem e ataque como este são apenas mais umas gotas no mar de sangue derramado nesta região, nenhum país do Mundo pediu para reprimirem a Síria ou o Iraque pelo acontecido, se algo bem menos violento como este tivesse ocorrido em Israel, o Mundo inteiro já estaria pedindo intervenção.

Os comentários estão encerrado.