Onda de calor em Israel está facilitando a propagação de incêndios em todo país

Onda de calor em Israel está facilitando a propagação de incêndios em todo país. O calor intenso levou não só a incêndios: Hoje às 14:50 quebrou o recorde de um consumo de energia no país, recorde de todos os tempos e foi de 12.921 megawatts. A companhia de eletricidade disse que o pico no consumo anterior foi registrado em setembro de 2015 e chegou em 12.905 megawatts.

Sete equipes de combate a incêndios estão combatendo os incêndios dos espinhos em Moshav Nahalal, e até agora nenhum controle foi alcançado. Os bombeiros relataram que este é um incêndio muito grande que está se espalhando. Além disso, quatro equipes de combate de incêndios estão operando em outro grande incêndio perto de Moshav Zohar.

Além disso, ocorreu um incêndio no início da floresta pertencente à KKL, onde eles disseram que o fogo começou, provavelmente, por causa de balão incendiário novamente. Não havia animais lá, mas o dano foi causado à infra-estrutura e equipamentos. Este é o terceiro incêndio na região, e moradores da área relataram que viram balões incendiários mais cedo na área.

Gilad Gabay, chefe do distrito sul do Israel Natureza e Parques, disse ao YnetNews:.. “O riacho de HaBesor está pegando fogo ainda, desde o início dos balões de terroristas de hoje foram queimados mais de 12 mil hectares de reservas naturais, incluindo reserva Habsor, reserva Gvar’am e sua vinhas e Riacho de Gerar.  Esse é um trabalho duro e árduo. Espero que termine o quanto antes.”

Além disso, pela segunda vez nesta semana, um grande incêndio começou na floresta de Achihud. O incêndio começou em mais de um foco e oito bombeiros e quatro aviões de bombeiros estavam operando no local. O incêndio começou na área do assentamento de Tal Al, mas não há perigo para o vilarejo. Ao mesmo tempo, outro foco se desenvolveu, adjacente à Rodovia 85, em frente à estação de trem de Ahihud. Em um incêndio que começou na segunda-feira, há suspeita de que o incêndio tenha sido provocado.