Presidente de Israel e Primeiro Ministro cancelam ida ao velório de Nelson Mandela

Curso Herança Judaica do Novo Testamento

Apesar de ambos terem mostrado o interesse em representar o Estado de Israel na última jornada de Nelson Mandela em seu velório, tanto o Presidente de Israel e Primeiro Ministro não poderão participar do sepultamento do maior líder africano do último século, Nelson Mandela.

O Primeiro Ministro de Israel cancelou a viagem logo após ter sido informado de que os custos da viagem seria altíssimo, isto devido as questões de segurança, pois Israel teria que arcar com as dispesas de viagem e além disso com as dispesas de um voô exclusivo para o transporte de carror blindados, afim de manter a segurança. O Primeiro Ministro de Israel cancelou a viagem principalmente após as duras críticas públicas aos gastos exagerados com as residências que utiliza.

Ao saber da impossibilidade de Benjamin Netayahu, o Presidente de Israel, Sr. Shimon Peres que conhecia pessoalmente Nelson Mandela, declarou do seu desejo em substituir o Primeiro Ministro, afinal, a questão dos custos seriam bem mais baixas caso ele fizesse a viagem. Infelizmente Presidente de Israel, Sr. Shimon Peres, e por causa da sua avançada idade, o risco seria grande caso viajasse.

Afim representar o Governo de Israel, o Líder do Parlamento de Israel, o Knesset, Sr. Yuli Edelstein foi nomeado como substituto, pois segundo o protocolo governamental, ele é o substituto do Presidente de Israel caso este esteja impedido de operar.