Rei da Jordânia: Embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém afetará solução de dois estados

Rei da Jordânia: Embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém afetará solução de dois estados, como se realmente os árabes quisessem um Estado Palestino. Se eles quisessem mesmo já teriam chegado a um acordo de PAZ desde a Fundação do Estado de Israel. Se ainda não chegaram a um acordo é por que a única coisa que realmente querem é o extermínio do Estado de Israel.

O que eles não entendem é que enquanto não aceitam o Estado de Israel por mais de 70 anos, o que Adonai iniciou, a restauração de seu povo em sua terra, ELE não vai parar. Nada poderá parar o processo que o Altíssimo começou e que culminará com o retorno eminente do Mashiach Yeshua.

O rei Abdullah II, da Jordânia, disse durante sua visita aos Estados Unidos que “a transferência da embaixada americana para Jerusalém nesta etapa terá repercussões na arena palestina, árabe e islâmica”.

Ele acrescentou: “Isso colocará em perigo a solução de dois estados e será uma desculpa que os terroristas usarão para estabilizar a raiva, frustração e desespero que é um terreno fértil para espalhar suas idéias”.

O rei Abdullah II só esqueceu de lembrar que mesmo durante todas estas décadas o Estado de Israel foi o único lado que realmente estendeu as mãos para a PAZ, e nunca recebeu um dia sem terrorismo desde sua fundação. Ao contrário, o Estado de Israel superou as dificuldades e aprendeu a lidar com os terroristas. Infelizmente, violência desenfreada se combate somente com mais violência. Se houvesse um interesse real em PAZ, os árabes já teriam abandonado o terrorismo a muito tempo. Enquanto isso, em Israel a população árabe israelenses é de 30% dos habitantes. Em uma pesquisa feita pelo jornal Israel HaYom, 70% dos questionados disseram ser orgulhosos de serem cidadãos do Estado de Israel.

Abdullah II não entende nada de política internacional, e muito menos de árabes palestinos. Entre os palestinos, mais de 60% já se disse favorável a aceitar a cidadania israelense. Infelizmente o que os impede disso é a corja da Autoridade Palestina que não passa de uma máfia corrupta e violenta.

Quantos mais anos passarem, mas o Estado de Israel se fortalecerá e nada vai para o plano de restauração de Adonai.

Shalom desde Sião,

Miguel Nicolaevsky, Diretor do Cafetorah.com

Foto ilustração: PixaBay

Os comentários estão encerrado.