Tensão em Israel: Hamas disparou mísseis e IDF contra-atacou

Mais uma vez, o grupo terrorista do Hamas está tentando de todas as formas arrancar dinheiro e facilitações por parte do Estado de Israel, ontem foram lançados diversos morteiros contra os vilarejos no sul de Israel.

Em resposta, as Forças de Defesa de Israel contra-atacaram diversas posições do Hamas na Faixa de Gaza. Os moradores do sul do país não conseguem dormir, pois as sirenes ALERTA VERMELHO não param de soar nas cidades e vilarejos da região.

Em Sderot, uma construção leve em uma residência, foi atingida por um morteiro, esta é a primeira vez, nesta rodada que um míssil caiu sobre uma casa causando danos. Três dias atrás, um balão incendiário lançado pelo Hamas caiu no quintal de um jardim de infância causando um incêndio no local, mas que felizmente foi controlado a tempo.

Quanto mais o tempo passa, mais o Hamas está testando a paciência do Estado de Israel e seus líderes. Se a violência no sul não parar, os projetos sociais árabes e europeus na Faixa de Gaza, não somente serão paralisados como poderão sofrer danos com uma possível nova operação militar na região. O Primeiro Ministro de Israel, Benjamin Netanyahu e seu substituto, Benny Gantz, já alertaram o Hamas que se os ataque continuarem, a IDF poderá voltar a responder com extermínio de ativistas do grupo terrorista.

Na primeira onda de ataques terroristas desde Gaza, o Sistema de Defesa Aérea Iron Dome interceptou com sucesso todos os 3 foguetes.

Depois que uma série de foguetes em uma segunda onda de ataque, que foram disparados contra Israel desde Gaza no início desta noite, a Força Aérea acabou de atingir um complexo militar do Hamas usado para a fabricação de munições e foguetes em Gaza, em resposta aos ataques do grupo terrorista.

No terceiro ataque com foguetes da noite, terroristas em Gaza lançaram 7 foguetes contra civis no sul de Israel. 6 dos 7 foguetes foram interceptados pelo Iron Dome no ar. Em resposta, a IDF atacou os alvos militares do Hamas em Gaza, incluindo a infraestrutura subterrânea do terror. Ao todos o Hamas disparou 12 mísseis e morteiros desde a Faixa de Gaza contra os vilarejos judaicos no sul de Israel.

Ainda, segundo o Porta-voz da IDF, as Forças de Defesa de Israel já estão preparadas e de prontidão diante do que aparenta ser uma subida na escalada da violência com a Faixa de Gaza.

Foto Ilustração: Domo de Ferro em Ashdod – Porta-voz da IDF

3 comentários em “Tensão em Israel: Hamas disparou mísseis e IDF contra-atacou”

  1. Incursão armada em Gaza se faz necessária pelas forças da IDF revistando as casas e prendendo os terroristas. Também impedindo a entrada em Israel de moradores de Gaza e Cisjordânia. Anexação na Cisjordânia é um direito israelense.
    A cidadania de árabes em Israel deve ser revista.

Os comentários estão encerrado.