Terrorista de Toulouse já havia sido detido em Israel

O Domo da Rocha em Jerusalém

Segundo as investigações da agência de inteligência francesa, o terrorista de Toulouse já estado em Israel em 2010, em seu apartamento foi encontrado seu passaporte.

Segundo os agentes, o passaporte de Mohamed Merah tinha um carimbo de entrada no Estado de Israel, e ele havia sido detido pela polícia de Jerusalém por posse de uma faca, mas depois das investigações, sem provas de sua intensões, teria sido liberado.

Segundo o serviço de inteligência de Israel, na realidade, Mohamed Merah teria tentado chegar aos territórios palestinos.