Dia de Jerusalém começou com motins árabes no Monte do Templo

Dia de Jerusalém começou com provocações, violência e motins árabes no Monte do Templo na Cidade Santa, eles “amam” tanto a cidade que começam o dia destruindo-a e atacando seus moradores e policias.

Os motins começaram no Monte do Templo. Os manifestantes atiraram pedras nas forças de segurança, que responderam disparando granadas de atordoamento. Na área de Gat Shemanim – Getsêmani, dezenas de manifestantes atiraram pedras da direção do Monte do Templo na área da estrada do Ophel, que estava bloqueada para o tráfego. Até agora, não houve vítimas e nenhum dano foi feito.

No Monte do Templo, logo cedo, milhares de árabes estão depredando, destruindo e atacando policiais com pedradas e fogos. A polícia de Israel está respondendo com balas de efeito moral apenas, e gás lacrimogêneo.