Dois atentados na Judéia e Samaria

Quatro soldados ficaram feridos esta noite de domingo pelo lançamento de dois explosivos na posição das FDI na entrada de Nabi Saleh, no cruzamento de Binyamin, ao Norte de Jerusalém, a Capital de Israel.

Um soldado foi levado para o Hospital Tel Hashomer em estado leve a moderado. Mais três soldados em estado menor foram tratados pelo Tagad, segundo a organização Resgate Sem Fronteiras Yosh.

Os incidentes aconteceram poucas horas após o ataque a tiros no Bekaa, no qual sete pessoas ficaram feridas – seis soldados e o motorista do ônibus.

“Todos os meses paramos perigos que poderiam causar grandes danos. A área está borbulhando, isso é um fato”, disse um alto oficial da IDF após o ataque no Bekaa, e não há dúvida de que esse é o sentimento na Judéia e Samaria.

É certo que atualmente não há aumento no estado de alerta, mas o acúmulo de ataques recentes mostra que há definitivamente uma tentativa de realizar ataques e prejudicar israelenses – não mais com facas, mas com armas de fogo e explosivos. Essas tentativas podem aumentar em preparação para os feriados de Tishrei, que estão chegando, e são considerados um período tenso de antecedência.

1 comentário em “Dois atentados na Judéia e Samaria”

  1. Jesus,pouco antes da crucificação, do Monte das Oliveiras,chorava e dizia:”Jerusalém, Jerusalém, quantas vezes eu quis te ajuntar,assim como as galinhas juntam os seus pintinhos.”

Os comentários estão encerrado.