Israel contra-ataca após incêndios provocados pelo Hamas

Ontem ocorreram junto a faixa de Gaza, nada menos que 26 incêndios provocados pelo grupo terrorista do Hamas, segundo eles, em resposta a passeata de Jerusalém ou Dança das Bandeiras que ocorreu ontem na capital.

Após o término da passeata e totalizando 26 incêndios em Gaza, a Força Aérea de Israel começou a atacar alvos terroristas na Faixa de Gaza. Isso é uma resposta ao lançamento de balões incendiários em território israelense hoje. Este é o primeiro ataque das FDI na Faixa de Gaza desde que Naftali Bennett assumiu como primeiro-ministro

Um porta-voz do IDF emitiu um comunicado oficial sobre os ataques em Gaza, dizendo que “aviões de combate atacaram complexos militares do Hamas que serviam como campos e locais de encontro para terroristas nas brigadas Khan Yunis e Gaza. A atividade terrorista ocorreu nas áreas atacadas, em resposta ao enchimento de balões incendiários.

É importante salientar que estes bombardeios são em instalações vazias e locai que já foram bombardeados antes por Israel, o objetivo é apenas deixar uma mensagem clara para o Hamas, que as Forças de Defesa de Israel não hesitarão em defender o país, mesmo que isso leve a um novo conflito na região. Será que Naftali Bennet conseguirá fazer aquilo que Netanyahu não conseguiu, neutralizar as ameaças do Hamas? Só o tempo e as próximas atitudes dirão.

2 comentários em “Israel contra-ataca após incêndios provocados pelo Hamas”

  1. Na minha opinião,serviços inacabados de Israel vão levar a novas guerras.As IDF tinham de ter invadido Gaza caçado e exterminado muitos e muitos terroristas,e matado geral quem se lhe opusesse!”O SENHOR ama a Israel para o estabelecer para sempre”(2 Cr 9.8).

Os comentários estão encerrado.