Israel estuda sanções aos palestinos por causa de Haia

O gabinete está discutindo medidas contra a Autoridade Palestina devido ao seu pedido ao Tribunal Internacional de Justiça em Haia.

O gabinete político-segurança discutiu na reunião medidas contra a Autoridade Palestina, após sua iniciativa na Assembléia da ONU de solicitar um parecer consultivo da Corte Internacional de Justiça em Haia sobre a legalidade da ocupação israelense.

O gabinete de ministros estuda uma série de cursos de ação possíveis, incluindo a imposição de sanções pessoais aos líderes palestinos, como o cancelamento de vistos VIP, restrições de ir para o exterior e medidas econômicas.

Deixe um comentário