O parlamento de Israel contra Unilever e Ben & Jerry’s

90 parlamentares da maioria dos partidos do parlamento de Israel, assinaram uma carta iniciada pela parlamentar, Meirav Ben-Ari (Yesh Atid) que foi enviada à Unilever, a corporação proprietária da Ben & Jerry’s, na qual pedem que a empresa cancele imediatamente sua decisão de não vender seus produtos nos assentamentos.

“É vergonhoso, ofensivo e especialmente uma decisão que exclui grandes seções do público que a administração global de Ben & Jerry pretende apoiar ostensivamente”, escreveram os membros do Knesset.

“Esta decisão da empresa viola as leis de o Estado de Israel – a lei que proíbe a discriminação em produtos e a proibição de confiscar várias áreas do país. Nós, os membros do Knesset, pedimos que você reconsidere a decisão e corrija a injustiça causada.”