Polícia de Israel dispersou “protestos” de apoio a terroristas no Monte do Templo

As forças policiais chegaram por volta das 14:00 hs ao Monte do Templo e dispersaram centenas de manifestantes concentrados na praça que carregaram fotos dos seis terroristas que fugiram esta semana da Prisão de Gilboa.

A manifestação no Monte do Templo junta-se aos tumultos que ocorreram ontem em vários centros na Judéia e Samaria, enquanto a organização do Hamas clamava por um “dia de fúria” hoje.

Ao mesmo tempo, a caça aos terroristas em fuga continua. No início do dia, o Ministro da Defesa Benny Gantz visitou o campo de Salem na fronteira de Jenin e disse: “Temos instruções de inteligência, um trabalho determinado está sendo feito com uma combinação adequada de armas entre os corpos. As mulheres têm nossas mãos sobre os terroristas que escaparam .”

O ministro da Defesa acrescentou: “Fiquei muito impressionado com a cooperação entre os órgãos, que é essencial para o sucesso, entre o que está acontecendo no terreno, desde o nível de inteligência até o nível de cor. Essa cooperação vai continuar”.

Ele disse: “Estamos continuando nossas atividades no terreno e nossos laços com a Autoridade Palestina. Deve ser entendido que existem seis pessoas na casa dos milhões que vivem aqui. Devemos ser capazes de cuidar desses seis e seus assistentes sem perturbando os outros equilíbrios no solo. “